Member Get Member: o que é e como funciona

6 Flares Twitter 0 Facebook 0 Email -- LinkedIn 6 Google+ 0 6 Flares ×
Reading Time: 4 minutes

Member Get Member funciona? Confira como cinco empresas usam essa estratégia para adquirir clientes

Não importa qual o tamanho e mercado do seu negócio: a ideia de Member Get Member tem sido adotada pelos mais diversos estilos de empresa. Só que usar essa estratégia de forma eficiente, bem, é outra história…

Bastante conhecida principalmente no exterior, a Friendbuy é uma empresa de softwares e captura de e-mails que é baseada em “ campanhas de referências”(Member Get Member).

Kit de Marketing Digital – Baixe Agora

Seu ex-Diretor de Operações, Tony Mariotti, é expert no assunto. Atuou em vendas e planejamentos de marketing com esse norte desde os anos 90!

Pois bem: vale lembrar que o uso de Member Get Member (“usuário captura usuário”, em tradução livre) é voltado especialmente a pessoas e empresas que vendam algo.

Quando você pensa em propagar seu produto ou serviço através da colaboração dos próprios clientes, é vital que haja um convite. O internauta irá convidar seus amigos ou colegas de trabalho a usufruir algo que gostou e, assim, ganhar algo em troca. Certo?

Mas…

Como faço para obter maiores referências do meu produto/serviço?

 

member get member

Member Get Member é a validação social de produtos e serviços!

Concentre-se em dois aspectos: a participação do usuário e a otimização.

Se você pensar sobre esse diagrama, ficará claro que o ideal é a intersecção entre ambos. Por exemplo: se você receber muitos usuários (participação) e otimizar sua campanha, o processo de referência passa a ser gerado automaticamente e dar resultados. Um indicará o outro.

A participação do usuário

Todo mundo quer incentivar Member Get Member em diversos locais do site – e também, claro, no universo off-line. Indicações que levem ao seu produto ou serviço são sempre bem-vindas.

Para isso, vamos percorrer 5 exemplos que como empresas atuam com a estratégia Member Get Member – sendo até utilizada em campanhas de e-mail.

#1 Prize Candle

 

prizecandle
Neste exemplo, só há duas ações que o usuário pode tomar: comprar algo ou indicar para amigos. É uma página muito limpa e com um fluxo de usuários de baixa fricção de compras e referências.

Além da possibilidade de compra em “shop now”, há uma visibilidade grande para a indicação de um amigo.

E profissionais que entendem de otimização de sites e leitura visual sabem que a parte superior esquerda da página é a mais valiosa, porque geralmente lemos da esquerda para a direita e de cima para baixo.

 

#2 Republic Wireless

 

republic

 

Outro ponto chave para gerar referências é a página de confirmação do pedido/compra. Olhe o exemplo abaixo:

Eles perceberam que atuar com Member Get Member seria mais rentável. Isso porque não têm o mesmo tipo de budget que o concorrente Verizon e, para isso, teriam de incentivar os usuários a indicarem o negócio.

Questionados, usuários do Friendbuy disseram que realmente preferem indicar amigos depois de realizar uma compra.

Um site normal de e-commerce converte cerca de 3 a 5% de seus usuários. Se você colocar um widget pós-compra como esse acima, então você está atingindo todo esse potencial. É o último estágio do funil de vendas.

Apesar de ser um aspecto importante, vale lembrar que seria bacana inserir a estratégia Member Get Member também na home page.

 

#3 Dollar Shave Club

 

dollarshaveclub

 

Já neste exemplo, o Member Get Member está localizado dentro da página de “Conta do usuário” e está bastante chamativo.

Assim, cada vez que o internauta faz login para verificar seus pedidos, ele tem a chance de compartilhar a marca.

Em termos de boas práticas, é melhor ter essa oportunidade bem visível e incorporada. É possível acionar o compartilhamento em um só clique, mas quando essa experiência é totalmente aberta ao usuário, sua marca terá mais tração.

Outra coisa que você pode considerar é a automatização do endereço de e-mail. Se as pessoas acessam a conta delas, crie um mecanismo de preenchimento automático dos dados delas, como o e-mail. Assim elas não precisam digitar.

Outro destaque interessante são as setas indicativas, que direcionam o usuário a ter a experiência de compartilhamento da marca.

 

#4 Hukberry

 

huckberry

 

Diferente dos demais, esta é uma página de referência independente. Você criará uma experiência de compartilhamento e indicação não através de um login, mas sim de uma nova URL.

O link poderia ser, então, “www.huckberry.com/referafriend” (indique um amigo).

A chave aqui é que você tem uma página de referência independente, você pode interliga-la através de direcionamento de outras páginas, bem como promove-la para ter mais acessos.

E essa promoção não precisa vir necessariamente de mídia paga. Você e sua empresa podem enviar e-mails à base de clientes que incluam essa página de referência como um gatilho. Esses e-mails podem ser confirmação de ordem de compra, avisos de entrega, boletim informativo…

Ou mesmo postar essa página no Twitter, Facebook ou outras redes sociais.

Agora, vamos falar sobre alcance.

Como falamos, a partir de uma página de confirmação de pedido, você trabalha de 3 a 5% de alcance a outros usuários para outras navegações. Quando você inclui uma promoção para alcançar referência (ex: “Indique e ganhe R$ 20 de desconto na próxima compra”), você pode atingir 100% do tráfego do site.

E se tudo isso ainda for acompanhado de envio de e-mails, tweets e posts no Facebook, então poderá aumentar seu alcance para 200-300%. Afinal, você está atraindo pessoas que vão além de seus clientes atuais e podem ser novos clientes.

 

#5 PuraVida

 

puravida

 

O PuraVida é um exemplo de empresa que envia e-mails marketing dedicados à toda base de contatos, independente se são ou não clientes.

Segundo Tony Mariotti, o que o atrai nesta comunicação é a chamada única e direta à ação. Não há informação extra. Não há um boletim com promoção de diversos produtos. Há apenas uma atitude que o usuário pode tomar.

SEU ALCANCE PODE SER MAIOR DO QUE PENSA…

Como fazer com que o alcance do Member Get Member tenha ainda mais sucesso?

1. Site
Adicione-o na homepage, na confirmação de ordem, conta de usuário, página de produtos, página de referência independente.

2. E-mail
Faço disparos independentes, bem como transacionais (confirmação de inscrição no site ou pedido de compra), newsletter, recibos de faturas.

3. Redes sociais
Promova a estratégia no Twitter, Facebook, LinkedIn, entre outros.

4. Páginas de blog
Acrescente também nos posts de seu blog da marca.

5. Assinatura de páginas/help desk
Ao final de páginas de seu site ou mesmo em campos de suporte (help desk), acrescente o Member Get Member para gerar maior visibilidade e atração de referências.

Espero que esse conteúdo ajude você e sua empresa a alavancarem a geração de referências!

Aliás, o que acha de indicar um amigo para ler esse conteúdo? rs 😀

6 Flares Twitter 0 Facebook 0 Email -- LinkedIn 6 Google+ 0 6 Flares ×
6 Flares Twitter 0 Facebook 0 Email -- LinkedIn 6 Google+ 0 6 Flares ×